Sentir, uma necessidade!

Nós queremos trabalhar o sentir:  experimentando o que temos em nós e ao nosso redor para oferecer ao bebê presença e cuidados.

Como atender as necessidades do bebê? Como ser mãe diante tantas funções que uma mulher tem?

As necessidades atendidas são sinônimos de bem estar, de serenidade, de conexão. A presença do cuidador é essencial para ouvir, sentir e entender o que está se passando com o bebê e, principalmente consigo mesma. Falta tempo ou coragem, você me diria. Escolher mudar a postura interna é desafiador e possível. Quem sabe fazer 5 minutos diferente hoje, com outra postura, outro olhar.

Muitas vezes o bebê quer ficar junto da mãe, junto com quem o cuida. Ele quer sintonia, contato e atenção.

O choro é um pedido, é um chamado para olhar além. E toda mãe quer acalmar esse choro, quer que bebê fique bem, mas nem sempre o problema do bebê se resolve rápido, às vezes pode ser longo o momento, a demanda. E quem não cansa!

O colo, o embalo suave, as canções doces e calmantes geralmente resolvem a maioria dos problemas de um bebê saudável. Esse momento pode se tornar magico quando percebido como algo simples, que passa e faz parte. Lutar e brigar, se culpar ou sabotar este momento pode ser ainda mais peso para o cansaço.

Por isso o uso diário de um carregador de pano tem a vantagem de ser auxilio para tornar mais leve os pedidos de vinculo e atenção.

Os braços quando estão livres, o bebê tranquilo no colo, muda a vida da maternidade. E a mulher pode existir.

O tempo do bebê é diferente do adulto, cada bebê é diferente, logo toda mãe ou cuidador sabe do que ele precisa. Porém mães cansadas e estressadas com as multitarefas transmitem isso ao bebê, inevitável.

Lembre-se de se sentir, de encontrar o lugar do adulto, da força incrível que existe em você e que a vida fez a mulher além de mãe, ela é o sentir puro da vida.

Convite: sentir seu corpo, suas próprias necessidades, o que você deseja, o que você precisa para ficar bem!

Desperte para seu potencial: sorria para seu cansaço, diga a ele que o viu, que sabe que está ali e que hoje mesmo vai fazer 5 minutos de conexão para si, um ritual, uma prece, uma meditação, um telefonema, um sol no corpo… ah com certeza você deve ter algo que faz seu interior mudar a frequência e aliviar o que não te pertence mais.

Você tem versões em você que talvez não conheça, concorda? mas sabe que estão ali, sabe que tem mais e sabe que relaxar as encontrar.

Sim, você mulher e mãe, tem esse poder de sentir o tudo o deseja! acredite!!!

Compartilhe:

Carine Blanc

Carine Blanc

Social Media

Mais lidos

Newsletter

No spam, notifications only about new products, updates.

Categorias

Leia também